Whey Protein e Apetite

As proteínas do soro do leite, também conhecidas como whey protein possuem alto valor nutricional, com aminoácidos essenciais, e os chamados BCAA’S, de cadeia ramificada. Também apresentam alto teor de cálcio e de peptídeos bioativos do soro. Pesquisas demonstram sua aplicabilidade no esporte, com possíveis efeitos sobre a síntese protéica muscular esquelética, redução da gordura corporal, assim como na modulação da adiposidade, e melhora do desempenho físico.

A colecistoquinina (CCK) e o peptídeo similar ao glucagon (GLP-1) são dois hormônios intestinais amplamente estudados. A liberação desses hormônios na corrente sanguínea ocorre em presença de macronutrientes no duodeno, produzindo efeito supressor do apetite. Comparando as duas principais proteínas do leite, caseína e as proteínas do soro, Hall et al. estudaram seus efeitos sobre o apetite, percepção de fome, saciedade e hormônios gastrintestinais. Observaram que, quando os voluntários ingeriam uma solução contendo 48g de proteínas do soro, 90 minutos antes da refeição, apresentavam uma redução significativa do apetite, da ingestão energética e aumento da saciedade, em comparação a um grupo que ingeriu a mesma solução contendo caseína. Essa percepção, apesar de subjetiva, estava relacionada às maiores concentrações sanguíneas de CCK e do GLP-1, geradas pela ingestão da solução contendo as proteínas do soro.

Mas não é por isso que vai sair por aí consumindo kilos de suplementos aleatoriamente, ok? Cada indivíduo possui uma capacidade de digestão individual, e existem vários outros fatores relacionados a sua dieta para serem considerados como estilo de vida, atividade física e o que você come nas demais horas do dia! Consulte sempre seu nutricionista!

Elissa Amaral
Nutricionista CRN1 8397

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *